segunda-feira

RESUMO DE CONTEÚDO DO 4º BIMESTRE - FILOSOFIA - SALA DE AULA

Conteúdo do 4º bimestre –outubro a dezembro de 2017 – Filosofia – Prof. João Moura

Desafios e Problemas contemporâneos que envolvem Ciência, Ética e Política.

  • PROBLEMAS CONTEMPORÂNEOS (SOCIEDADE, INDIVIDUO E LIBERDADE) 
  • PROBLEMAS CONTEMPORÂNEOS (ÉTICA, POLITICA E CIDADANIA)
  • DESAFIOS POLÍTICOS CONTEMPORÂNEOS
  • DESAFIOS ÉTICOS CONTEMPORÂNEOS


O filósofo Bruno Latour (francês), analisa os desafios contemporâneos para a ciência e o conhecimento sob várias perspectivas. Numa delas, ele faz duras críticas ao projeto moderno. Segundo ele, o projeto da modernidade era o de separar radicalmente a natureza e a cultura, a ciência e a política. Porém, para ele, essa divisão nunca se materializou. Isso porque, de acordo com Latour, todo conhecimento novo surge em uma sociedade especifica e interfere diretamente na vida dessa sociedade – portanto a ciência é também social, cultural e política.

A filosofia pode nos ajudar a refletir sobra as várias formas de atuar politicamente, inclusive, na identificação de quais são os desafios políticos contemporâneos existentes em nossa sociedade atual. Isso porque já não vivemos a era moderna, e sim uma fase posterior, a pós-moderna, onde a ação política não se restringe ao que comumente se considera “esfera política”. Hoje, a soberania política está centrada na produção bi política, que corresponde a produção da vida social, abarcando os planos econômico, político e cultural.

A neutralidade da ciência é uma ideia de que os conhecimentos científicos não são bons nem maus em si mesmo, ou seja, são neutros. A partir da segunda metade do século XX, a noção de neutralidade da ciência começou a ser criticada, em virtude da estreita relação que existe entre o conhecimento científico e a sua aplicação. Para caracterizar o tipo de conhecimento científico produzido passou-se a falar em tecnociência.

Cada vez mais, o conhecimento científico e tecnológico permite a manipulação da natureza. Porém, ações irresponsáveis colocaram e ainda podem colocar em risco a vida de diversas espécies, inclusive a humana, razão pela qual os novos procedimentos sempre envolvem discussões éticas: transplantes de órgãos, eutanásia, doação de órgãos. Situações essas que pertencem ao campo da bioética. Podemos compreender a bioética como uma ética aplicada, que tem como objetivo refletir sobre problemas concretos, definindo princípios e valores para lidar com esses problemas.

O filósofo Peter Singer discorre sobre o que chama de “velha ética”, sobre a fome no mundo, sobre a eutanásia e diversos outros assuntos que têm provocado muita polêmica. Porém, não é possível julgar problemas de hoje com base em valores e conceitos originados de um contexto diferente da atualidade em que vivemos. Inúmeros autores, incluindo Peter Singer, reconhecem que um dos fatores que distinguem as pessoas dos demais seres vivos é a possibilidade de terem uma biografia, uma história social.

A soberania política está centrada na produção biopolítica, se no período moderno o Estado-nação representava a soberania, hoje, no pós-moderno, a forma política da soberania é o império. O conceito de império pós-moderno se distingue por quatro características principais: Não há fronteiras. É supra histórico. Não se limita ao plano político. Exigência de projeto político globalizado.

Em nosso modo cotidiano de pensar, referimos-nos muitas vezes à Sociedade como um conjunto de indivíduos organizados para permitir que a vida humana continue e seja melhor. A tentativa de entender o que é a sociedade concentra-se, de modo geral, em perguntar por que os seres humanos se associam? Os seres humanos se reúnem por motivos históricos, ou seja, motivados por diferentes circunstâncias, surgidas em momentos específicos de sua existência.

A expressão “esquentar-se com o mesmo fogo” – Trata-se de uma referência ao fogo que se acendia nas casas da Grécia antiga para cozinhar e em torno do qual os moradores se reuniam para se aquecer durante o inverno? Por quê? Sim. Os seres humanos possuem uma tendência natural a se reunir.

Um problema ético que há muito tempo nos acompanha é a violência contra a mulher. Ao longo da história em nossa cultura a mulher foi tratada como ser inferior inclusive por muitos filósofos. Mas onde fica nossa moral e entendimento de raça humana ao contemplar esta ideia? O segredo está na sociedade ser educada para deixar esta ideologia desumana que a mulher é inferior, para assim termos a tão sonhada igualdade.

Fonte: Filosofia - Experiência do Pensamento ( Silvio Gallo), Editora Scipione.

RECUPERAÇÃO PROCESSUAL E CONTINUA - 2ª SÉRIE - EM - 2017


ATENÇÃO ALUNOS EM RECUPERAÇÃO - DISCIPLINA FILOSOFIA!

Será ofertado possibilidades de recuperação de notas abaixo da média (5,0) em Filosofia (Prof. João Moura)  nos 1º, 2º e 3º Bimestres de 2017, para as turmas "A" até "G" da 2ª Série, Ensino Médio do CEM EIT.

Conteúdo, Calendário para entrega das tarefas e Avaliação de Conhecimento

O conteúdo solicitado para participação na Recuperação ofertada para a disciplina Filosofia, compreende as Unidades de 1 a 5 e seus respectivos capítulos do livro didático: Filosofia - Experiência do Pensamento - de Silvio Gallo; com DESTAQUE - na hora dos estudos - para os seguintes itens das referidas unidades.

Conteúdos e tarefas para serem entregues ao professor conforme calendário previsto para cada turma:

UNIDADE 1 - Destaque para conteúdos que tratam sobre: Filosofia e Mito

Após leituras dos capítulos da Unidade 1, defina:

a) - O que é Filosofia?
b) - O que é Mito?
c) - Descrevendo a formação do pensamento conceitual em filosofia.
d) - Identificando e explicando, onde podemos aplicar ou utilizar os conhecimentos filosóficos e mitológicos?
e) - Especificando e apresentando exemplos das diferenças entre Filosofia e Opinião.

- Destaque para conteúdos que tratam sobre: Filosofia e outras formas de pensar

Após leituras dos capítulos da Unidade 1, defina:

a) - Pensamento Mitológico.
b) - Pensamento Religioso.
c) - Pensamento do Senso Comum.
d) - Pensamento Científico.
e) - Pensamento Filosófico.

UNIDADE 2

Destaque para conteúdos que tratam sobre: Natureza Humana e Condição Humana

Após leituras dos capítulos da Unidade 2, defina:

a) - Conceituando Natureza humana.
b) - Conceituando Condição humana.
c) - Descrevendo as manifestações referentes a Natureza Humana versus Condição Humana.
d) - O que é Filosofia da Existência?
e) - Corpo e Alma.

Destaque para conteúdos que tratam sobre: A linguagem e a cultura: manifestações do humano

Após leituras dos capítulos da Unidade 2, defina:

a) - Conceituando Linguagem
b) - Conceituando Cultura.
c) - Descrevendo a Linguagem na Antiguidade.
d) - As implicações e relações da filosofia com a cultura e com a linguagem.
e) - Respondendo à questão: "Será a linguagem aquilo que nos faz ser o que somos?".

UNIDADE 3

Destaque para conteúdos que tratam sobre: Ética, valores, escolhas e liberdade

Após leituras dos capítulos da Unidade 3, defina:

a) - O que representa a universalidade do valor para Platão.
b) - O que representa a ética como ação para a felicidade, na visão de Aristóteles.
c) - O que representa a ética como ação segundo o dever para Kant.
d) - O que é uma vida filosófica, uma filosofia de vida.
e) - As implicações dos valores e de nossas escolhas para o exercício individual e coletivo da liberdade.

UNIDADE 4

Destaque para conteúdos que tratam sobre: Estado, sociedade, poder e política

Após leituras dos capítulos da Unidade 4, defina:

a) - O Estado como "contrato social".
b) - O que é poder na visão de Hannah Arendt, Michel Foucault, Deleuze e Guattari.
c) - As diferenças entre poder e autoridade.
d) - O que é Sociedade de Controle.
e) - Totalitarismo e Biopolítica.

UNIDADE 5

Destaque para conteúdos que tratam sobre: Conhecimento, ciência e ética

Após leituras dos capítulos da Unidade 5, defina:

a) - Os impactos dos problemas ambientais decorrentes do desenvolvimento mundial.
b) - A globalização como rompimento de fronteiras para a ciência, o conhecimento e o comércio.
c) - Os desafios éticos contemporâneos.
d) - Os desafios políticos contemporâneos.
e) - Os problemas contemporâneos e suas possíveis soluções.

PARA FINALIZAR, É PRECISO TER EM MENTE QUE A RECUPERAÇÃO SÓ DEPENDE DE COMPROMISSO COM OS ESTUDOS E RESPONSABILIDADE COM AS TAREFAS PROPOSTAS PELO PROFESSOR.

A NOTA DA RECUPERAÇÃO SERÁ DEFINIDA PELA  SOMA DAS NOTAS DESSA TAREFA AQUI APRESENTADA E DA AVALIAÇÃO DE CONHECIMENTO ADQUIRIDOS, PÓS TAREFAS, QUE SERÁ APLICADA DE ACORDO COM AS DATAS PROPOSTAS PELO PROFESSOR EM SALA DE AULA.

A NOTA MINIMA NÃO PODERÁ SER INFERIOR A 5,0.

BONS ESTUDOS E BOAS TAREFAS!
PROF. JOÃO MOURA
FILOSOFIA
CEMEIT

terça-feira

DICAS PARA ESCREVER UMA BOA REDAÇÃO!

SE VOCÊ QUER ESCREVER UMA BOA REDAÇÃO PARA O ENEM, PARA O CONCURSO, OU PARA A VIDA? Então fique atento às dicas de Redação e Estilno final desse post!


Nas aulas de Filosofia, solicito aos alunos que escrevam uma Dissertação Filosófica sobre determinado tema em debate, ou apresentado em sala de aula.

Dissertar, filosoficamente, é discorre-se, também, sobre a questão de uma visão esclarecedora, do tema proposto.
Por consequente, não se é protelável, que uma paráfrase à redação, necessita de suas devidas, e respectivas, argumentações. 
Assim como que, o juízo de valor, se é colocado, ao final da redação, se assim útil o for. 
Por sua vez, se é lembrado também, colocar luz, de sua própria interpretação, sobre o assunto.
Deve-se evitar – ao máximo - a utilização de recursos literários e chavões, em seus argumentos retórico. 
E ainda, que não obstante, recomenda-se, que se possua foco, tanto à elucidação, quanto que a conclusão, a formação desta dissertação. 
Tenha sempre em mente, e à práxis, em que a redação deve ter, em base, ser explicativa, em relação ao tema proposto.

E por fim, é condizentemente que a dissertação filosófica seja argumentativa, e articulada.

SE VOCÊ QUER ESCREVER UMA BOA REDAÇÃO PARA O ENEM, PARA O CONCURSO, OU PARA A VIDA? 



Então fique atento às dicas de Redação e Estilo e clique no link abaixo:

http://bit.ly/1FvkWow

O GRANDE DESAFIO DA FILOSOFIA

O GRANDE DESAFIO DA FILOSOFIA

Para Reflexão:

Para Reflexão: